Pra que serve um Push?

Sabe quando a sua consciência te lembra que apesar de você estar sem fome, tem um chocolate mara em promoção na loja da esquina? Ou então quando sua melhor amiga te avisa que a sua loja predileta estará em promoção de 90% no fim de semana?!

Pois é…dessa forma funciona a tecnologia Push. Ela é enviada por diferentes aplicativos, e pode ser visualizada no seu celular mesmo com a tela travada (quando essa função está ativada no celular). O Push tem como objetivo engajar esse cliente/ usuário e oferecer um conteúdo pertinente. Ao clicar na mensagem o usuário será direcionado para o aplicativo.

Tela Push

Tela com um notificação Push

Uma notificação Push tem algumas características que ajudam no engajamento dos usuários, e são:

Push elementos1: Imagem da notificação ( Ícone do App )   2: título da mensagem: É importante comunicar, em poucas palavras, sobre o que se trata a sua notificação, exemplo; Descontos do Fim de Semana   3: Texto até 160 caracteres ( sugerimos mensagens curtas )

Por que alguns usuários desativam as notificações Push e o que posso fazer para isso não acontecer?

Em algumas categorias de produtos, mais de 60% dos usuários desligam as notificações Push. Em outras, somente 20% o fazem. A diferença não é nada pequena! Segundo dados revelados pela Kahuna  os valores variam muito de segmento para segmento. Abaixo segue tabela com os dados:

Dados de abertura de notificações push

O valor de ativações de push em “compartilhamentos de caronas” comparado a “Social” é duas vezes maior. O que significa duas vezes mais engajamentos, valor e receita para esse segmento. As pessoas não são bobas e querem receber notificações à respeito de assuntos que sejam relevantes e válidos para elas.

 

E como ser atrativo?

Claramente, alguns aplicativos despertam maior interesse do que outros nas pessoas. Por exemplo, “Serviços Financeiros” e  “Comidas e Bebidas” claramente são fontes de interesse popular. Mas por que? Intuitivamente os usuários entendem que uma notificação push para esses segmentos irão trazer algum benefício, notícia importante ou urgente. Além disso, as pessoas entendem que o aplicativo irá notificar alguma mensagem importante para a funcionalidade do app. Por exemplo, o Uber que envia o push quando carro está chegando. Esse tipo de informação é enviado através de um push, pois as pessoas reconhecem o valor sem que as empresas precisem fazer muito esforço. Ou seja, as empresas não precisam explicar muito, porque o conteúdo já é claro o suficiente e está diretamente ligado à funcionalidade do aplicativo.

Mas e se eu estou na base da pirâmide?

Primeiramente, fique tranquilo isso pode mudar. Existe uma noção preconcebida de que esses apps só apresentam notificações push com o intuito de se auto promover, e os usuários por sua parte, demoram a enxergar valor nesse conteúdo. Mas ainda existe uma luz ao final do túnel: pesquisas mostraram que as empresas podem influenciar o número dos usuários que ativam esse push usando algumas estratégias. Aqui vão duas diferentes técnicas para aumentar a experiência do usuário.

A primeira impressão…é a que fica!  

Comece a experiência do usuário com uma página splash “clean” (limpo em inglês) e informativa. Essa página é visualizada assim que o seu usuário abre o app. Aplicando essa dica você estará fazendo seu usuário entender o quão valioso será ele ativar as notificações do seu app, pois será de extrema importância pra ele. Além disso, ele vai entender o valor do seu aplicativo e o quanto o mesmo irá acrescentar na experiência e consequentemente irá ativar. Aí vai um exemplo: O Crossfader DJ apresenta um tutorial inicial (quando a pessoa abre o app) explicando as funcionalidades primordiais e a função do push. Essa abordagem quase que educacional ajuda o Crossfader a atingir 55% da quantidade dos push, significantemente maior do que 44% da quantidade da indústria de aplicativos voltados para Notícias e Mídia.

aplicativo Crossfader DJ notificação

Sim ou não?

Você tem uma chance de perguntar por ativação push. Certifique-se de não desperdiçar essa oportunidade perguntando em outro local que não a vitrine, por onde seu app é disponibilizado, por exemplo na página iOS. Caso aconteça espere por mais algum tempo até que o seu usuário possa já estar mais engajado com o aplicativo. Enviando o push nesse momento pedindo permissão para ativar as notificações para esse usuário, será mais fácil que o mesmo, ative essas notificações por já estar mais familiarizado com as funcionalidades do mesmo.

 

Essas são algumas das dicas que vão te ajudar a melhorar seus números, engajamento com seus usuários, receita e valor. Primordialmente é importante mostrar que o push do seu aplicativo é parte importante para a funcionalidade do mesmo, e ativando ele estará com um aliado. O seu Push deve trazer assuntos pertinentes e que tragam algum benefício para ele. Sendo assim, foque nisso! Lembre-se sempre que quantidade não é o mesmo que qualidade, e por isso, invista em fazer dessa experiência algo memorável para o seu usuário.

 

Fique atento que logo menos traremos mais conteúdo relevante pra você,

Até mais!

 

1 Comment
  • Carlos Alberto
    Responder
    Posted at 12:55 PM, 23/12/2016

    Dicas excelentes !!!!

Post a Comment

Comment
Name
Email
Website